+A +/- -A

7 Regras de negociação que todo profissional deve conhecer

7 Regras de negociação que todo profissional deve conhecer


Para estar dentro de uma empresa é preciso ter jogo de cintura para saber lidar com diversas situações. Principalmente quando se trata de negociar algo.

Estudos da Copenhagen Business School apontam que negociadores perdem até 42% do valor de uma operação devido a falhas no processo de barganha, sendo que as discussões geralmente são limitadas apenas ao preço e ambas as partes acabam perdendo a chance de agregar valor ao negócio.

Grandes executivos geralmente têm um grande poder de negociação. Eles sabem ceder e pressionar na medida certa e geralmente conseguem o que querem apenas exercendo seu poder de persuasão.

Para que você não cometa erros durante uma negociação, o site Love Mondays listou algumas regras para aumentar as suas chances de um ótimo resultado. Confira abaixo:


Confira também: Discutir salário no trabalho: Quando, como e com quem?


1. Planeje

Caprichar no planejamento evita que você improvise nas negociações. Não pense que você já tem a visão completa dos possíveis cenários, deixando a tarefa de planejar para depois por falta de tempo. É melhor não confiar em sua capacidade de improvisar nesses casos, pois o outro negociador pode ter muito mais preparo e experiência que você.

2. Formule perguntas

Faça perguntas relevantes. Isso dará a você a oportunidade de receber pistas sobre a real intenção da outra parte na negociação. Tente entender o porquê de cada resposta, cada afirmação ou negação. Isso vai te ajudar a construir argumentos para validar seu ponto de vista.

3. Seja ético

Você tem diversas ''armas'' que pode usar, tais como tempo, informações e poder a seu favor na hora de negociar, mas procrastinar, pressionar ou espionar são práticas condenáveis. Lembre-se: uma negociação de sucesso é feita com base na confiança mútua.

4. Tenha uma postura empática

Tente entender o ponto de vista da outra parte durante a negociação e o porquê de aquilo que você propôs ter sido aceito ou rejeitado. Seja sensível nessas horas e coloque-se no lugar dos outros. O resultado pode ser melhor do que você imagina!

5. Reconheça oportunidades e limites

O respeito pela outra parte é fundamental para estabelecer uma relação de confiança. Por isso, valorize e respeite os pontos fortes do outro negociador. Não abuse do ponto fraco de uma pessoa para conseguir o que quer. Respeito e confiança são fundamentais em uma negociação.

6. Seja flexível

Saiba identificar e reconhecer mudanças no cenário e promover alterações no planejamento. Modificar o rumo de um planejamento não é problema algum, desde que você sinta essa necessidade.

7. Avalie os resultados

Você deve levar em consideração dois pontos na hora de avaliar os resultados: o processo e o produto. Assim, você aprende com seus próprios erros e se prepara para outra ocasião parecida. Pense em todo o processo, avalie suas atitudes e reformule, se for o caso.