+A +/- -A

Procurar seu nome no Google pode te ajudar a conseguir um emprego

Procurar seu nome no Google pode te ajudar a conseguir um emprego


Quem nunca procurou seu nome no Google só para descobrir o que poderia encontrar? Embora seja geralmente associada à vontade de querer saciar uma curiosidade, esta é uma atividade que pode ajudá-lo a descobrir meios de promover sua imagem profissional, visando novas oportunidades de emprego. Afinal, não é mais novidade que a internet e as redes sociais são artifícios que muitos gestores utilizam para analisar os candidatos às vagas da sua empresa antes de chamá-los para uma entrevista de emprego.

Por isso, ao digitar seu nome no campo de busca é necessário que você analise os resultados atentando a alguns aspectos, como o SWOT. A sigla – que, em português, quer dizer pontos fortes, pontos fracos, oportunidades e ameaças –, apesar de estar relacionado a empresas, implica num exame minucioso do próprio indivíduo sobre seu perfil profissional. Mas como você analisaria estes aspectos na internet?


Confira também: Empregadores dão dicas sobre redes sociais


Simples: veja na rede o que você posta que, sem dúvida, demonstra uma habilidade valorizada no mercado e o que indica que você precisa melhorar. Enquanto os primeiros devem ser realçados, sendo explorados com mais frequência pelo candidato quando estiver escrevendo para seu blog, por exemplo, estes últimos devem ser usados como motivadores, verdadeiras chances para garantir o desenvolvimento e a adaptação do candidato ao mercado. Por fim, não deixe de observar suas ameaças, isto é, quem faz melhor o que você tenta executar e inspire-se em suas atitudes, sempre buscando aprimorar seus métodos e ganhar mais conhecimento sobre sua área.

Outro aspecto que você não deve deixar de lado é como sua presença é percebida na rede. Pense sobre como você quer ser visto pelo seu futuro chefe e pela sua rede de contatos e, caso seja necessário, altere sua postura nas redes sociais. Além disso, faça uma curadoria do que você tem disponível na rede, mantendo estes conteúdos sempre atualizados. Em outras palavras, use a internet ao seu favor para transmitir uma imagem mais legítima e positiva das suas habilidades profissionais e do seu perfil comportamental.

Seguindo estes passos, você criará uma marca pessoal online, algo que o diferenciará dos demais profissionais durante o processo seletivo e, em alguns casos, na sua própria área de atuação, sobretudo se você produz conteúdos com frequência. Portanto, pesquise seu nome no Google e apresente seu perfil profissional aos gestores sem sair da internet.