+A +/- -A

Cinco crenças que podem destruir sua carreira

Cinco crenças que podem destruir sua carreira


Para ter uma carreira bem-sucedida é essencial ter alguns valores. Porém, acreditar em certas coisas pode ter o efeito contrário, diminuindo suas chances de alcançar o sucesso. Se você quer ser um profissional satisfeito com a sua vida profissional, precisa saber no que pode acreditar e, especialmente, o que deve ser deixado de lado.

Confira a seguir cinco crenças que podem destruir sua carreira e entenda os motivos para isso:


Confira também: Competição: Ajuda ou prejudica a carreira?


1. Autoestima se baseia na opinião dos outros

Algumas pessoas costumam se definir tomando como base o que eles acreditam que seus chefes, colegas de trabalho, parentes e amigos pensam delas. O problema é que ao se convencerem de que a opinião alheia é negativa, a confiança dessas pessoas acaba sendo afetada, de modo que elas se sentem incapazes de tomar atitudes consistentes. A sua autoestima depende muito mais da maneira como você se enxerga do que da opinião dos outros sobre você. Mantenha isso em mente e trabalhe para ver a si mesmo de uma maneira positiva.

2. Passado e futuro se igualam

Ao enfrentar certos obstáculos, as pessoas assumem que seus objetivos não podem ser alcançados. Com o tempo, essas pessoas acabam perdendo a motivação e passam a evitar situações que apresentam risco de fracasso. E uma vez que qualquer esforço significativo implica risco, essas pessoas são incapazes de fazer progressos.

3. O destino é controlado por forças externas

Você tem todo o direito de acreditar em destino, sorte e qualquer outro tipo de convicção, mas não pode permitir que isso interfira no desenvolvimento da sua carreira. Certas pessoas acreditam que seu estado de vida, ou até mesmo seu potencial como pessoa, é determinado por esse tipo de coisa. Porém, esse tipo de comportamento tira de você a oportunidade de ser proativo. Você acaba se tornando uma pessoa muito passiva, que não busca seus sonhos por estar esperando sua sorte mudar.

4. Emoções refletem com exatidão a realidade

Assim como interferências do destino, algumas pessoas costumam acreditar também que as emoções são causadas por eventos externos. De fato, o que acontece ao seu redor tem grande potencial para afetar o que você sente, mas isso significa que as emoções são determinadas pela percepção que você tem desses eventos combinados com as suas crenças pessoais sobre o que eles significam. Ou seja: procure sair da sua própria cabeça e observar as situações sobre pontos de vista diferentes.

5. É possível atingir a perfeição

Acreditar nesse tipo de coisa vai fazer de você um profissional frustrado. É claro que você deve ter o objetivo de ser tão bom quanto possível, mas esteja ciente de que eventualmente vai falhar e se decepcionar. Pessoas perfeccionistas costumam culpar o mundo por seus fracassos, em vez de aprenderem com seus erros e procurarem novos resultados extraordinários.