+A +/- -A

Homem encomenda morte da esposa por mensagem, envia errado e acaba preso

Homem encomenda morte da esposa por mensagem, envia errado e acaba preso


Atualizado em fevereiro de 2017


O norte-americano Jeff Lytle, de 42 anos, acabou preso na última quarta-feira (8) após errar o destinatário ao enviar uma mensagem para contratar um assassino de aluguel para executar a esposa, Rhoda Mee, e a filha de 4 anos.


Segundo informações da Fox News, a investigação concluiu que o homem pretendia lucrar com a morte das duas, já que ficaria com os seguros de vida no valor de US$ 1,5 milhão (cerca de R$ 4,6 milhões).

Entretanto, em vez de enviar a mensagem para o matador, o homem se enganou e acabou mandando a solicitação criminosa para o ex-chefe.

O texto dizia: "Oi, Shayne. Tudo bem? Você lembra de ter dito que me ajudaria a matar minha mulher? A oferta está de pé. Se você puder parecer que foi um latrocínio ou um acidente, ela trabalha no Walmart e saí às 11h. Vou dividir com você o seguro em 50/50".

Em sua defesa, o homem, que é morador de Washington (Estados Unidos), afirmou que escreveu aquilo para "desabafar", mas que não pretendia matar sua família. Ele ainda disse que a filha dele pode ter enviado a mensagem por acidente.

Ele continua preso sob fiança de US$ 1 milhão (R$ 3,1 milhões).