+A +/- -A

Criança é internada com braços quebrados e morre após complicações médicas

Criança é internada com braços quebrados e morre após complicações médicas


Atualizada em janeiro de 2017


Uma criança de 9 anos morreu na última quarta-feira (4), no Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza após ter os braços amputados.

Daliete Silva, mãe do garoto Diego Rauã Silva dos Santos, denuncia que ele sofreu com a falta de atendimento e culpa a unidade pela morte do menino.

''Eles mataram meu filho, foi isso que aconteceu, não foi a queda, foram eles'', desabafou.


Segundo o médico que falou com a mãe do garoto, ele teria morrido de ataque cardíaco, contudo a Perícia Forense ainda irá divulgar o laudo com a causa da morte da criança. O menino é velado nesta quinta-feira (5), mas a data do enterro ainda não foi divulgada pela mãe.

O caso é confuso e, segundo a Daliete, nem os médicos souberam explicar como o menino foi a óbito. Na sexta-feira (29), a criança caiu e quebrou os dois braços. Então, Daliete levou o filho para o Frotinha da Parangaba, local onde recebeu os primeiros atendimentos e passaria pelo processo cirúrgico, contudo o garoto passou mal e foi encaminhado ao IJF.

''Ele ia fazer a cirurgia para colocar o bracinho no lugar, mas vomitou, então acharam melhor levar para o IJF. Chegando por lá, começaram os piores momentos da minha vida, algo que não desejo para nenhuma mãe. Ele sofreu descaso total, não foi atendido'', explica Daliete.