+A +/- -A

Autor da maior pirâmide financeira da história, Madoff cria 'negócio' na prisão

Autor da maior pirâmide financeira da história, Madoff cria 'negócio' na prisão


Atualizado em janeiro de 2017


Condenado em 2009 a 150 anos atrás das grades por orquestrar uma pirâmide financeira que causou prejuízos de mais de US$ 65 bilhões, Bernie Madoff virou empreendedor na prisão federal onde cumpre a pena, no estado americano da Carolina do Norte. É que ele criou um negócio lucrativo por lá, que funciona da seguinte forma: o ex-bilionário compra o estoque semanal de chocolate instantâneo vendido na cantina da prisão, e revende os produtos para os outros presidiários com lucro.


Alguns, aliás, o acusam de golpista pela manobra, o que nessa altura do campeonato não deve fazer muita diferença para ele. Mas nem tudo são flores para Madoff, que outro dia levou um tapa na cara de um colega preso porque mudou o canal de uma TV que fica em um espaço comum sem pedir autorização.

Ambas as revelações aparecem em uma série de podcasts que começou a ser divulgada nesta sexta-feira pelo jornalista Steve Fishman. Em um dos áudios, o próprio Madoff, de 78 anos, aparece se gabando pelo fato de que a cela dele costuma ficar aberta de noite. ''A vista é até boa'', ele é ouvido dizendo.